Discurso de Lula da Silva (excerto)

___diegophc

sexta-feira, 29 de janeiro de 2010

"Os espiões do Vaticano cometeram muitos crimes"



Jornal de Notícias - 2005-11-26


[Jornal de Notícias] - Quanto tempo trabalhou no livro "A Santa Aliança"?
.
[Eric Frattini] - Demorei dois anos a investigar e um a escrever. 
.
O seu objectivo foi demonstrar a tese de que há realmente espionagem na Igreja Católica? 
.
A "Santa Aliança" é um livro histórico, sobre a história da Igreja Católica, sobre a história dos Papas, sobre a história de um dos mais incríveis serviços de espionagem do Mundo, sobre a história de Espanha, de Portugal, da Holanda, França e Itália. É um livro que poderá ser lido como um ensaio mas também como uma novela, se não fosse o caso dos seus protagonistas existirem realmente.
.
Faz sentido chamar "espionagem" à obtenção de informações por membros da Igreja e depois ditas à hierarquia da própria Igreja?
.
"Espionagem" é a recompilação ilegal de material secreto, de um Governo ou Estado, feito por outro Estado, com o fim de prejudicar a sua segurança e estabilidade política. Por exemplo a Santa Aliança, conhecida por "Entidade", apoiou financeiramente o golpe de Estado dos coronéis, na Grécia; apoiou a venda ilegal de mísseis Exocet à ditadura argentina e, com os seus benefícios, financiou o sindicato Solidariedade de Lech Valesa, na Polónia; ajudou à fuga de criminosos de guerra, etc e etc.
.
Com base em que documentos diz que a Santa Aliança foi criada em 1566, pelo Papa Pio IV, e o Sodalitium Pianum (que diz ser o serviço de contra-espionagem da Santa Sé), em 1913, pelo Papa Pio X?
.
Com base em documentos que estão nos arquivos de vários países. Por exemplo em arquivos da Coroa da Escócia, em Edimburgo, arquivos do Governo Britânico, arquivos históricos do Governo italiano, arquivos da Ordem dos Jesuítas, e mais 39 arquivos em 12 países. Também lhes segui o rasto através de uma bibliografia de mais de 200 livros. Entre outros, muito antigos, que adquiri em antiquários de Dublin, Nova Iorque e Nápoles. A CIA também me facultou um grande acervo dos seus arquivos.
.
Diz que John Bell e Giovani Danicola, entre outros, eram alegados espiões papais e que alguns deles assassinaram reis. Também acusa a Santa Aliança de estar relacionada com o atentado ao rei D. José I de Portugal...
.
Para este assunto, li a melhor história da Ordem dos Jesuítas, de Malachi Martin. Após o conclave que elegeu Carlo Rezzonico (Clemente XIII), passou a haver um maior distanciamento entre muitos reis e Roma. José I de Portugal liderou a grande ofensiva contra os jesuítas. E, naqueles anos, a Santa Aliança era formada principalmente por jesuítas ("Os soldados do papa"). Foram eles que tentaram matar D. José, em 3 de Setembro de 1758.
.
Qual o papel da Santa Aliança para financiar e apoiar ditadores sanguinários como Anastasio Somosa e o argentino Jorge Videla?
.
Esse apoio foi feito através do IOR (Instituto para Obras religiosas), o Banco do Vaticano. Paul Marcinkus, chefe do IOR, realizou operações secretas financeiras que provocaram a maior quebra da economia da Santa Sé. Uma delas, foi a operação em que venderam mísseis aos argentinos, pagos através de uma sociedade chamada Bellatrix, com sede no Panamá. O dinheiro acabou na Polónia. Descobri um documento assinado por Marcinkus em que ele reconhece a propriedade da Bellatrix.
.
Escreve que o Vaticano foi contra a Alemanha, na II Grande Guerra Mundial, mas também diz que a Santa Aliança criou o chamado "Corredor do Vaticano" para possibilitar a fuga de nazis. Como classifica o papel da Igreja nesse período?
.
A Igreja, desde há 2005 anos, tem sabido nadar entre duas águas. A operação "Convento" ou "Corredor do Vaticano" foi uma operação montada por agentes da Santa Aliança, apoiada pelos Governo pró-nazis da Hungria, Croácia, Lituânia, etc. Descobri, por exemplo, o passaporte expedido pelo Vaticano para Adolf Eichmann Os israelitas e a CIA deram-me muita informação sobre isso.
.
Qual foi, em seu entender, o crime mais repugnante cometido pela Santa Aliança?
.
Todos os relacionados com a "Operação Convento", que salvou pessoas tão repugnantes como Adolf Eichmann, Josef Mengele, Ante Pavelic, o carniceiro da Croácia, Han Fischbock, general das SS, entre outros. A venda de armas à ditadura da Argentina. E todas as operações realizadas com o IOR. Lavaram dinheiro da Máfia de Nova Iorque, financiou o golpe de Estado na Grécia, etc.
.
O actual Papa Bento XVI tem utilizado os serviços da Santa Aliança?
.
O cardel Ratzinger (Bento XVI) foi um pilar básico do poder de João Paulo II, que utilizou a Santa Aliança em seu proveito e está claro que Bento XVI também o utilizará.
.
Não o preocupa que muitos leitores possam acusá-lo de estar a mentir?
.
O meu livro baseia-se na leitura de centenas de documentos em dezenas de arquivos de dezenas de países; em mais de duas centenas de livros; está apoiado em cerca de 750 notas de rodapé. Se minto, também o fazem centenas de pessoas que escreveram esses documentos, desde 1566 a 2001, alguns ainda por explorar. Mentem os escritores que escreveram esses livros, centenas de agentes dos serviços de espionagem da CIA, do MI6, da Mossad, do KGB, da Stasi, que escreveram documentos preciosos. Mentem os juízes que interrogaram criminosos de guerra nazis; jornalistas do Financial Times, The Washington Post, The Times. Se tudo relativo à Santa Aliança e ao Papa é mentira, esta poderia ser a maior mentira construída contra a Igreja Católica, em quase cinco século sque abarcam as operações de espionagem do Vaticano.
.
 
.
.
.

1 comentário:

Stefano disse...

http://www.youtube.com/watch?v=Jr5Q5Volv88